30 de maio de 2010

Zico é o novo diretor de futebol do Flamengo

Em reunião realizada neste domingo no Centro de Futebol Zico, no Recreio dos Bandeirantes, Zico e Patrícia Amorim chegaram a um acordo para que o Galinho assuma o cargo de Diretor Executivo de Futebol do Flamengo. Foram três horas de conversa para o ajuste das questões. A principal foi que Zico não aceitava ser remunerado através da folha de pagamento do clube. Isso foi viabilizado a partir da entrada de alguns patrocinadores.

- É um grande desafio pela frente. A meta é profissionalizar o futebol do Flamengo, concluir o CT, dar melhores condições ao time e elevar o nome do clube como uma referência. Eu já tinha vontade de ficar no Brasil e sei que posso colaborar. Conversei muito tempo com a Patrícia, temos muito trabalho pela frente e minha única exigência era não ser remunerado pelo clube - anunciou Zico em seu site oficial.

A apresentação de Zico para o novo cargo está marcada para a próxima terça-feira.

Créditos : Lancenet

21 de maio de 2010

Arsenal aposta em atacante de 26 anos para próxima temporada

Cobiçado pelo técnico do Arsenal Arsène Wenger, o atacante Marouane Chamakh é o mais novo reforço do clube inglês. Depois de ser revelado e atuar durante anos no futebol francês pelo Bordeaux, o marroquino de 26 anos vai disputar a próxima temporada no time que sempre admirou:

- A equipe e a história do Arsenal me fazem sonhar. Sou fã (do clube) desde que eu era criança. Temos grandes jogadores e eu vou dar tudo para ajudar a equipe a conquistar títulos na próxima temporada – declarou.

Chamakh falou ainda sobre a expectativa de estrear em sua nova casa, o Emirates Stadium:

- Ouvi muitas coisas boas sobre o estádio e não vejo a hora de vestir a camisa do Arsenal - disse Chamakh.

O jogador, que marcou 79 gols em 293 jogos, vai usar a camisa 29 do Arsenal. O técnico Arsène Wenger elogiou a contratação e apontou as qualidades de Chamakh:

- Ele é muito bom nas jogadas aéreas e já provou que é um ótimo jogador com sua performance no Bordeaux nas últimas temporadas. Foi uma grande contratação – concluiu o treinador.

Créditos : Globo Esporte

19 de maio de 2010

Barcelona anuncia David Villa por € 40 milhões


Cada vez mais forte. Depois de conquistar o bicampeonato espanhol no último fim de semana, o Barcelona resolveu presentear sua torcida nesta quarta-feira. O clube catalão confirmou em seu site oficial a contratação do atacante David Villa, do Valencia. A diretoria vai pagar € 40 milhões (R$ 89 milhões) para contar com o atleta até 2014.

O jogador de 28 anos viaja para Barcelona nesta quinta-feira. Na sexta-feira, será apresentado oficialmente.

David Villa foi revelado pelo Sporting Gijón e jogou as últimas cinco temporadas pelo Valencia. Em 166 jogos no Campeonato Espanhol, marcou 107 gols.

18 de maio de 2010

Confira a lista dos jogadores que ficarão em casa na Copa

Eles são peças raras e costumam desequilibrar em campo, mas não foram suficientes para levar suas seleções à Copa do Mundo. Talvez por não serem, em sua maioria, de países tradicionais no futebol. Mas é fato que, além dos craques esquecidos pelos treinadores, o Mundial não terá, obviamente, as estrelas eliminadas. Perde o futebol...

Eleitos pelo GLOBOESPORTE.COM, os 11 jogadores que ficarão em casa durante junho e julho são tão renomados quanto os que estarão na África do Sul. O trio de ataque, inclusive, pesa tanto que deixou boas opções, como Olic, destaque da Croácia e do Bayern de Munique, e Dzeko, bósnio artilheiro do Campeonato Alemão, no banco. Assim como o irlandês Robbie Keane, que lamenta até hoje a “mão boba” do francês Thierry Henry. Seu compatriota, o goleiro Shay Given, também só não é titular por conta de um outro “gigante” na meta (veja abaixo a seleção completa).

Já Ibrahimovic até chegou a declarar que a Suécia não estava mais em seus planos. Mas o anúncio veio curiosamente em dezembro, meses depois da eliminação nas eliminatórias. O malinês Seydou Keita, companheiro de Barcelona, também pleitou por uma vaga. Ficou no quase.

Todos os nomes com relativa importância em Chelsea, Juventus, Arsenal, Internazionale, Roma, Manchester United, Wolfsburg e Manchester City, clubes de destaque no futebol europeu. E de seleções como República Tcheca, Bélgica, Romênia, Noruega, Rússia e até Togo, que, por algum momento, tiveram seus 15 minutos de fama. Mas que não passarão de meros espectadores do maior evento futebolístico do planeta.

Créditos : Globo Esporte

15 de maio de 2010

Jornal "Marca" publica que Real Madrid quer Ganso

O Real Madrid está novamente de olho em uma grata revelação do Santos para a próxima temporada: o meia Paulo Henrique Chagas de Lima, o Ganso. O camisa 10 do Peixe tem se destacado desde o ano passado e pode ser uma alternativa para os Merengues substituírem o meia Guti, que deixará a equipe após a Copa do Mundo.

A matéria ainda destaca que o time da capital espanhola segue em busca de reforços no mercado internacional e que um dos nomes mais destacados da reduzida lista é o jogador brasileiro. Um editorial do jornal afirma que o Real segue os passos do atleta, de "extraordinária visão de jogo", há seis meses.


O time de Cristiano Ronaldo e Kaká estaria muito perto de Ganso, mas, segundo o 'Marca', Milan e Manchester United também entraram na briga para ter os serviços da "grande sensação do futebol brasileiro."

A última transação entre Santos e Real foi o atacante Robinho, em meados de 2005. O time espanhol pagou 30 milhões de euros (cerca de R$ 70 milhões) pelo atacante do Peixe, que nunca se firmou como o camisa 10 que os Merengues esperavam.

Revelado no ano passado pelo Santos, Ganso ganhou mais notoriedade em 2010 graças ao ótimo desempenho do time da Vila Belmiro, campeão paulista com campanha impecável e semifinalista da Copa do Brasil - duela com o Grêmio pela final.

Chelsea derrota Portsmouth e conquista seu segundo título na temporada 09/10


Não foi fácil marcar um gol neste sábado em Wembley. No primeiro tempo, foram cinco bolas na trave do Portsmouth acertadas pelos jogadores do time londrino: uma de Lampard, uma de Kalou, outra de Terry e duas de Drogba.

O lance do meia Kalou foi o mais incrível dos cinco: o marfinense desperdiçou chance incrível dentro da pequena área e sem goleiro. Além disso, o goleiro Peter Cech defendeu bola incrível em desvio do atacante do Portsmouth Piquionne cara a cara.

Na etapa final, o ‘Pompey’ teve outra grande chance de aproximar-se do título em pênalti cometido pelo brasileiro Belletti aos dez minutos. Entretanto, Boateng bateu mal, fraco e no meio do gol, e o placar seguiu zerado. Visivelmente abatido, o alemão foi substituído pouco tempo depois.

Aos 12 minutos, enfim, o Chelsea marcou. Drogba cobrou falta com perfeição e garantiu o troféu para sua equipe. A bola ainda bateu trave antes de entrar. No final da partida, os comandados de Carlo Ancelotti ainda tiveram a chance de ampliar, mas perderam pênalti com Lampard.

Dessa forma, os ‘Blues’ conquistam uma inédita ‘dobradinha’. Pela primeira vez o time terminará uma temporada como campeão das duas principais competições da Inglaterra, a Premier League e a FA Cup, ou Copa da Inglaterra.

FICHA TÉCNICA

CHELSEA 1 X 0 PORTSMOUTH


Local: Estádio de Wembley, Londres (Inglaterra)
Data: 15 de maio de 2010, sábado
Horário: 11 horas (de Brasília)
Público: 88.335 pessoas
Árbitro: Chris Foy (Inglaterra)
Cartões amarelos: Kevin-Prince Boateng e Ricardo Rocha (P)
Gols: CHELSEA: Drogba, aos 13 minutos do segundo tempo

CHELSEA: Cech; Ivanovic, Alex, Terry e Ashley Cole; Ballack (Belletti), Lampard, Malouda; Salomon Kalou (Joe Cole), Anelka (Sturridge) e Drogba.
Técnico: Carlo Ancelotti.

PORTSMOUTH: David James; Finnan, Ricardo Rocha, Mokoena e Mullins (Belhadj); O'Hara, Diop (Kanu), Michael Brown, Dindane e Kevin-Prince Boateng (Utaka); Piquionne.
Técnico: Avram Grant.

Créditos : Espn Brasil

13 de maio de 2010

Chelsea é o clube que cederá mais jogadores para a Copa do Mundo 2010

Qual é o melhor time do mundo ? Qual o melhor campeonato nacional ? Se a Copa do Mundo reúne os melhores jogadores dos melhores países, o Chelsea é o melhor de todos, pois 17 dos seus jogadores foram chamados para o Mundial. A melhor liga, então, seria a inglesa: nada menos do que 138 atletas convocados atuam na Terra da Rainha.

Nesta quinta-feira, a Fifa divulgou a relação completa das listas preliminares de todas as 32 seleções que disputarão o Mundial. A supremacia do futebol inglês é impressionante. O da Alemanha, que ficou com a segunda posição, cederá 94 jogadores para a Copa. Praticamente empatada, vem Itália, com 93, e depois Espanha, com 73.

As ligas europeias dominarão o Mundial. Entre os dez campeonatos que mais cederam jogadores, apenas o Japão (com 34) e o México (com 25) não são do Velho Continente. África do Sul e Coreia do Norte (com 21 e 20 jogadores) quase entraram na lista por serem a base de suas respectivas seleções. Os clubes brasileiros têm apenas oito jogadores entre os convocados até o momento para a Copa.

No ranking de clubes, o poderio é total dos europeus. Todas as dez equipes que mais tiveram jogadores convocados são europeias. Atletas de Chelsea, Barcelona, Real Madrid e Liverpool foram os mais requisitados. As surpresas são o Ajax, vice-campeão holandês, e o Tottenham, quarto lugar do Campeonato Inglês, que cederão 11 jogadores cada. Os dois ficaram à frente de gigantes, como Manchester United, Milan e do novo rico Manchester City. Nenhum deles aparece entre os dez primeiros.

Outra curiosade: o Inter de Milão cederá dez jogadores para as seleções da Copa. Mas o atual tetracampeão italiano não cederá nenhum jogador para seu próprio país.

Veja as relações:

Clubes com mais jogadores:

1 - Chelsea : 17

2 - Barcelona : 14

3 - Real Madrid : 12

4 - Liverpool : 12

5 - Ajax : 11

6 - Arsenal : 11

7 - Bayern : 11

8 - Juventus : 11

9 - Tottenham : 11

10 - Internazionale : 10

Ligas com mais jogadores:

1 - Inglaterra : 138

2 - Alemanha : 94

3 - Itália : 93

4 - Espanha : 73

5 - França : 58

Créditos : Globo Esporte

11 de maio de 2010

Adversária do Brasil, Costa do Marfim divulga pré-lista para Copa


Rival que corre por fora no grupo do Brasil na Copa do Mundo, a seleção da Costa do Marfim definiu a pré-lista de 30 jogadores convocados para a competição do próximo mês na África do Sul. Dado como lesionado há algumas semanas, o centroavante Didier Drogba está confirmado na lista do técnico Sven-Goran Eriksson.

A relação de convocados pelo treinador sueco não apresentou muitas surpresas. Todos os maiores destaques do time africano constam na lista. Além de Drogba, Salomon Kalou, o companheiro de ataque dele no Chelsea, o volante Yayá Touré, do Barcelona, o zagueiro e irmão Kolo Touré, do Manchester City, e o lateral Emmanuel Eboué, do Arsenal, estarão presentes e deverão ser titulares.

A seleção brasileira convocada por Dunga deverá enfrentar estes jogadores no dia 20 de junho, na segunda rodada da primeira fase, após a primeira partida contra a Coréia do Norte. O jogo seguinte do Brasil é contra Portugal, que encerrará o turno inicial do Grupo G da Copa do Mundo. A lista final deverá ser fechada no dia 1º de junho.

A grande ausência da lista foi a do atacante Arouna Koné, do Hannover, que já foi companheiro do brasileiro Luís Fabiano no Sevilla e participou da Copa de 2006, onde os marfinenses caíram na primeira fase. Ele tem 34 jogos pela sua seleção e nove gols marcados, mas ficou de fora do grupo chamado por Eriksson para representar o país na África do Sul.

Confira abaixo a lista dos convocados da Costa do Marfim:

Goleiros
Vincent Angban (ASEC Abidjan)
Daniel Yeboah (ASEC Abidjan)
Boubacar Barry (Lokeren-BEL)
Aristide Zogbo (Maccabi Netanya-ISR)

Defensores
Souleymane Bamba (Hibernian-ESC)
Arthur Boka (Stuttgart-GER)
Benjamin Brou Angoua (Valenciennes-FRA)
Guy Demel (Hamburgo-GER)
Emmanuel Eboué (Arsenal-ING)
Abdoulaye Meite (West Bromwich Albion-ING)
Steve Gohouri (Wigan-ING)
Siaka Tiené (Valenciennes-FRA)
Kolo Touré (Manchester City-ING)

Meio-campistas
Emerse Faé (Nantes-FRA)
Jean-Jacques Gosso (Monaco-FRA)
Abdel Kader Keita (Galatasaray-TUR)
Emmanuel Koné (International Curtea Arges-ROM)
Gervinho (Lille-FRA)
Romaric (Sevilla-ESP)
Didier Zokora (Sevilla-ESP)
Cheik Ismael Tiote (Twente Enschede-HOL)
Yaya Touré (Barcelona-ESP)
Gilles Yapi Yapo (Young Boys Berna-SUI)

Atacantes
Kanga Akalé (Lens-FRA)
Aruna Dindane (Portsmouth-ING)
Seydou Doumbia (CSKA Moscou-RUS)
Didier Drogba (Chelsea-ING)
Salomon Kalou (Chelsea-ING)
Bakary Koné (Marselha-FRA)

Créditos : Espn Brasil

Dunga anuncia lista, chama Grafite e deixa Adriano e santistas fora da Copa


Dunga manteve a sua tão propagada 'lógica da coerência' ao definir a lista dos convocados para a Copa do Mundo da África do Sul, divulgada nesta terça-feira no Rio de Janeiro. Chamou o atacante Grafite e deixou Adriano, Paulo Henrique Ganso, Neymar e Ronaldinho Gaúcho fora da Copa do Mundo.

A não presença dos santistas é a ratificação do que o técnico vendeu ao longo de seus quase quatro anos à frente da seleção, de que só chamaria jogadores comprometidos e de sua confiança, o que jamais pode checar em relação ao alvinegros porque nunca trabalhou com eles. Além disso, disse em março que não haveria surpresas. E cumpriu.

Até mesmo Grafite, atualmente no Wolfsburg e ex-São Paulo, não chega a ser uma supernovidade, já que é um dos atletas dentro da 'lógica do treinador', pois foi chamado sob seu comando. Já Adriano pode ter se 'queimado' sozinho com seus problemas de comportamento no Flamengo.

Posição duvidosa também, a lateral esquerda ficou com Gilberto e Michel Bastos. O jogadores de Cruzeiro e Lyon foram os felizardos do setor no qual Dunga testou inúmeras opções desde 2006 e jamais havia chegado a uma conclusão.

Do lado oposto, na direita, Maicon e Daniel Alves eram mais do que figurinhas certas e estão garantidos. No meio-campo, os 'homens de confiança' de Dunga vão ao Mundial. Elano, Gilberto Silva, Felipe Melo, Josué e Júlio Baptista, sempre sem unanimidade, estão na lista.

Mesmo vindo de lesão séria no púbis, Kaká apenas ratificou a certeza em torno de seu nome, assim como o goleiro Júlio César, os zagueiros Juan, Lúcio e Luisão e os atacantes Robinho e Luis Fabiano, todos chamados e com passaporte carimbados para a Copa. Desses sete, apenas Luisão não deve ser titular. Na zaga, Thiago Silva ganhou a disputa com Miranda e será a quarta opção do setor.

Veja a lista dos 23 jogadores convocados e clique sobre o nome de cada um para saber tudo sobre ele:

Goleiros
Júlio César (Inter de Milão)
Gomes (Tottenham)
Doni (Roma)

Laterais
Maicon (Inter de Milão)
Daniel Alves (Barcelona)
Michel Bastos (Lyon)
Gilberto (Cruzeiro)

Zagueiros
Juan (Roma)
Lúcio (Inter de Milão)
Luisão (Benfica)
Thiago Silva (Milan)

Meio-Campistas
Gilberto Silva (Panathinaikos)
Josué (Wolfsburg)
Felipe Melo (Juventus)
Elano (Galatasaray)
Kléberson (Flamengo)
Ramires (Benfica)
Júlio Baptista (Roma)
Kaká (Real Madrid)

Atacantes
Luis Fabiano (Sevilla)
Nilmar (Villareal)
Robinho (Santos)
Grafite (Wolfsburg)

Créditos : Espn Brasil

Domenech deixa Vieira e Benzema de fora da Copa do Mundo

O técnico da França, Raymond Domenech, anunciou nesta terça-feira a lista de 30 jogadores para a Copa do Mundo da África do Sul. As duas grandes ausências são as do experiente volante Patrick Vieira e do atacante Karim Benzema, do Real Madrid.

Domenech promoveu algumas surpresas na lista, como o defensor Planus, do Bordeaux, o meia M'Vila, do Rennes, e os atacantes Valbuena, do Olympique de Marselha, e Jimmy Briand, do Rennes.

A seleção campeã mundial de 1998 está no grupo A do Mundial ao lado de África do Sul, México e Uruguai.

Veja abaixo a lista dos 30 jogadores:

Goleiros: Hugo Lloris (Lyon), Steve Mandanda (Olympique de Marselha), Cédric Carrasso (Bordeaux) e Mickaël Landreau (Lille);

Defensores: Bacary Sagna (Arsenal-ING), Eric Abidal (Barcelona-ESP), William Gallas (Arsenal-ING), Patrice Evra (Manchester United-ING), Rod Fanni (Rennes), Adil Rami (Lille), Sébastien Squillaci (Sevilla-ESP), Gaël Clichy (Arsenal-ING), Marc Planus (Bordeaux) e Anthony Reveillère (Lyon);

Meio-campistas: Jérémy Toulalan (Lyon), Lassana Diarra (Real Madrid-ESP), Alou Diarra (Bordeaux), Yoann Gourcuff (Bordeaux), Abou Diaby (Arsenal-ING), Yann M'Vila (Rennes), Florent Malouda (Chelsea-ING);

Atacantes: Sidney Govou (Lyon), Franck Ribéry (Bayern de Munique-ALE), Thierry Henry (Barcelona-ESP), Nicolas Anelka (Chelsea-ING), Djibril Cissé (Panathinaikos-GRE), André-Pierre Gignac (Toulouse), Mathieu Valbuena (Olympique de Marselha), Hatem Ben Arfa (Olympique de Marselha) e Jimmy Briand (Rennes).

Créditos : Espn Brasil

Pré lista de Capello tem novidades


O técnico da Inglaterra, Fabio Capello, anunciou nesta terça-feira os 30 jogadores pré-convocados para a Copa do Mundo da África do Sul. Ele ainda vai cortar sete até fechar a lista do Mundial.

As surpresas do treinador italiano são o retorno de Jamie Carragher, do Liverpool, após três anos longe do English Team, o chamado de Ledley King, do Tottenham, a volta de Joe Cole, do Chelsea, e o meia Scott Parker, do West Ham. Também surpreendem as convocações de Adam Johnson, do City, e de Michael Dawson, defensor do Tottenham.

Carragher já havia anunciado sua decisão de se retirar da seleção inglesa e pode declinar do chamado de Capello. King possui uma doença degenerativa no joelho, mas ganhou a confiança do treinador.

Outro que estava lesionado no joelho, Joe Cole jogou as últimas partidas pelo Chelsea para tentar impressionar o técnico. Já Parker fez uma boa temporada pelo West Ham, apesar de não ter sido mencionado como um provável convocado.

O lesionado Gareth Barry, do Manchester City, também está na lista. Ele tenta se recuperar de um problema no tornozelo, mas a expectativa é que retorne aos treinamentos no começo de junho.

A estreia da seleção inglesa na Copa da África do Sul acontece em 12 de junho, em Rustenburgo, contra os Estados Unidos, às 15h30 (horário de Brasília).

Veja abaixo a lista com 30 jogadores da Inglaterra

Goleiros: Joe Hart (Manchester City), David James (Portsmouth) e Robert Green (West Ham);

Defensores: Leighton Baines (Everton), Jamie Carragher (Liverpool), Ashley Cole (Chelsea), Michael Dawson (Tottenham), Rio Ferdinand (Manchester United), Glen Johnson (Liverpool), Ledley King (Tottenham), John Terry (Chelsea), Matthew Upson (West Ham) e Stephen Warnock (Blackburn);

Meio-campistas: Gareth Barry (Manchester City), Michael Carrick (Manchester United), Joe Cole (Chelsea), Steven Gerrard (Liverpool), Tom Huddlestone (Tottenham), Adam Johnson (Manchester City), Frank Lampard (Chelsea), Aaron Lennon (Tottenham), James Milner (Aston Villa), Scott Parker (West Ham), Theo Walcott (Arsenal) e Shaun Wright-Phillips (Manchester City);

Atacantes: Darren Bent (Sunderland), Peter Crouch (Tottenham), Jermain Defoe (Tottenham), Emile Heskey (Aston Villa) e Wayne Rooney (Manchester United).

Créditos : Espn Brasil

Lippi convoca seleção italiana à Copa e deixa de fora Totti


Depois de pedidos da imprensa por jogadores como Francesco Totti e Mario Balotelli, o treinador havia afirmado que não mudaria de ideia e o planejamento que havia feito e cumpriu, chamando apenas os jogadores que já vinham atuando na seleção.

Nos 30 jogadores convocados, ganham destaque os mais experientes e que venceram a Copa de 2006 pela Azzurra, como Pirlo, Gattuso, Buffon, Cannavaro e Grosso. Apesar de ter sido criticado por isto, o treinador nunca abriu mão de seus principais atletas.

No dia 18 de maio, Lippi fará os sete cortes necessários para deixar a seleção italiana com 23 atletas e pronta para disputar o Mundial da África do Sul.

Veja a lista dos 30 convocados da Itália

Goleiros: Buffon (Juventus), De Sanctis (Napoli), Marchetti (Cagliari), Sirigu (Palermo);

Defensores: Bocchetti (Genoa), Bonucci (Bari), Cannavaro (Juventus), Cassani (Palermo), Chiellini (Juventus), Criscito (Genoa), Grosso (Juventus), Maggio (Napoli), Zambrotta (Milan);

Meio-campistas: Camoranesi (Juventus), Candreva (Juventus), Cossu (Cagliari), Gattuso (Milan), Marchisio (Juventus), Montolivo (Fiorentina), Palombo (Sampdoria), Pepe (Udinese), Pirlo (Milan), De Rossi (Roma);

Atacantes: Borriello (Milan), Di Natale (Udinese), Gilardino (Fiorentina), Iaquinta (Juventus), Pazzini (Sampdoria), Quagliarella (Napoli), Rossi (Villarreal-ESP).

Maradona ignora Zanetti e Cambiasso em sua pré lista


Depois de uma longa espera, finalmente a Argentina sabe seus 30 jogadores pré-selecionados para a Copa do Mundo. Na noite desta terça-feira, o técnico Diego Armando Maradona anunciou os convocados para o torneio na África do Sul e surpreendeu. Os experientes Javier Zanetti e Esteban Cambiasso, da Internazionale, não vestirão a camisa albiceleste no Mundial.

Em contrapartida, o veterano atacante Martín Palermo, do Boca Juniors, está na lista divulgada por Maradona, que aposta no talento ofensivo dos seus comandados para conquistar o tricampeonato no Continente Negro.

Dos 30 jogadores, sete são atacantes, destaque para Lionel Messi, do Barcelona (Espanha), Gonzalo Higuaín, do Real Madrid (Espanha), Carlitos Tevez, do Manchester City (Inglaterra), e Diego Milito, da Internazionale (Itália).

Para o meio-campo, Maradona terá à disposição o volante Javier Mascherano, do Liverpool (Inglaterra), e os meias Juan Sebástian Verón, do Estudiantes de La Plata, Jonas Gutíerrez, do Newcastle (Inglaterra), e Angel Dí Maria, do Benfica (Portugal), apontados como homens de confiança do treinador.

No setor defensivo, a experiência foi o fator essencial. Os zagueiros Walter Samuel e Martín Demichelis, que duelarão na final da Copa dos Campeões por Internazionale e Bayern de Munique, respectivamente, formarão a dupla de zaga titular. Promovido à equipe nacional por Diego, Nicolás Otamendi, do Vélez, também está na lista.

O técnico argentino convocou, inclusive, o seu 'talismã', Mario Bolatti, da Fiorentina (Itália). O jogador do clube italiano fez o gol que classificou o país para o Mundial contra o Uruguai, em Montevidéu, na vitória por 1 a 0 do time bicampeão do mundo (1978 e 1986).

Veja lista:

Goleiros: Sergio Romero (AZ Alkmaar/HOL), Mariano Andújar (Catania/ITA) e Diego Pozo (Colón).

Defesa: Nicolás Burdisso (Roma/ITA), Ariel Garcé (Colón), Fabricio Coloccini (Newcastle/ING), Martín Demichelis (Bayern/ALE), Gabriel Heinze (Olympique/FRA), Juan Manuel Insaurralde (Newell's Old Boys), Nicolás Otamendi (Vélez), Clemente Rodríguez (Estudiantes/ARG) e Walter Samuel (Inter/ITA).

Meio-campo: Sebastián Blanco (Lanús), Mario Bolatti (Fiorentina/ITA), Jesús Dátolo (Olympiacos/GRE), Angel Di Maria (Benfica/POR), Jonás Gutiérrez (Newcastle/ING), Javier Macherano (Liverpool/ING), Juan Mercier (Argentinos Juniors), Javier Pastore (Palermo/ITA), Maxi Rodríguez (Liverpool/ING), José Sosa (Bayern/ALE) e Juan Sebastián Verón (Estudiantes).

Ataque: Gonzalo Higuaín (Real Madrid/ESP), Ezequiel Lavezzi (Napoli/ITA), Lionel Messi (Barcelona/ESP), Diego Milito (Inter/ITA), Martín Palermo (Boca Juniors), Carlos Tevez (Manchester City/ING) e Sergio Agüero (Atlético de Madri/ESP).

Créditos : Espn Brasil

9 de maio de 2010

Chelsea goleia o Wigan e leva título inglês 09/10

video

Com um ataque arrasador que entrou para a história como o mais eficiente da chamada “era moderna” do Campeonato Inglês, o Chelsea confirmou o favoritismo neste domingo e não tomou conhecimento do Wigan, goleando o adversário por 8 a 0 e assegurando o quarto título da Premier League para o clube de Londres.

Além da conquista do título nacional, os comandados do técnico Carlo Ancelotti atingiram uma marca histórica com a goleada deste domingo. Com o terceiro gol dos Blues no jogo deste domingo, o Chelsea chegou ao 98º tento marcado na temporada 2009/10 da Premier League. Ao final da partida, o time alcançou a marca histórica de 103 gols.

O melhor ataque da história do Campeonato Inglês é do Aston Villa, com 128 gols em 42 partidas na temporada 1930/31. Mas o melhor ataque da história da Premier League, o Campeonato Inglês disputado desde a temporada 1992/93, pertencia até este domingo ao Manchester United, que na temporada 1999/00 alcançou 97 gols, com 20 de Dwight Yorke e 19 de Andy Cole. Neste domingo, o Chelsea tomou o primeiro lugar no número de gols marcados em uma única temporada da “era moderna”.

O massacre que levaria o Chelsea ao título inglês começou cedo em Stamford Bridge. Logo aos seis minutos, Anelka abriu o marcador para os Blues e sinalizou que a vitória seria fácil. Aos 32, em cobrança de pênalti, Frank Lampard ampliou a vantagem para 2 a 0.

A goleada e o recorde de gols se consolidaram na etapa complementar. Aos nove minutos, Kalou fez Chelsea 3 a 0 – o 98º gol do time de Ancelotti neste Campeonato Inglês, batendo o Manchester United da temporada 1999/00. Três minutos depois, aos 12, Anelka foi mais uma vez às redes e fez 4 a 0.

Um dos principais destaques do Chelsea na campanha do título, o atacante marfinense Didier Drogba começou a dizer a que veio na partida deste domingo. Aos 18 minutos, o artilheiro ampliou a vantagem para 5 a 0. Ele voltaria a marcar aos 23 (de pênalti) e aos 35, chegando a 29 gols na competição (principal artilheiro do torneio) e fazendo Chelsea 7 x 0 Wigan. Nos acréscimos, Ashley Cole marcou mais um e definiu a maior goleada dos Blues no campeonato: 8 a 0. Título coroado com chave de ouro.

O jogo

Ao Chelsea, bastava um simples 1 a 0 para conquistar o título do Campeonato Inglês. Porém, diante de uma campanha tão vistosa durante toda a competição, os comandados de Carlo Ancelotti fizeram questão de dar um show no Stamford Bridge. Para fazer a festa da torcida, o time garantiu a taça da Premier League com sua maior goleada: massacrou o Wigan: 8 a 0.


O resultado leva a equipe aos 86 pontos ganhos, líder absoluta. Os Blues encerram a competição com 27 vitórias, cinco empates e apenas seis derrotas. A goleada da última rodada garante a quebra de um tabu na competição: pela primeira vez desde 1963, quando o Everton foi campeão, uma equipe quebra a marca de 100 gols na mesma edição: o Chelsea chegou a 103.

Três dos gols anotados foram feitos pelo atacante marfinense Didier Drogba, que deu um show a parte. Com o excelente desempenho, o jogador chega à marca de 29 gols, terminando como artilheiro do Campeonato Inglês - deixando para trás o prodígio Wayne Rooney, do Manchester United, com quem iniciou a rodada empatado. Trata-se de um grande incentivo antes da Copa do Mundo.

Contra o frágil Wigan, o Chelse precisou apenas de cinco minutos para iniciar a goleada do título. Nicolas Anelka abriu o placar e Frank Lampard ampliou ainda no primeiro tempo, aos 31 minutos. Na segunda etapa, o massacre aconteceu: Kalou fez aos 8, Anelka ampliou aos 11 e Drogba balançou as redes mais três vezes: aos 17, 23 e 34 minutos. Ashley Cole, aos 45, fechou o placar.

Manchester e Arsenal também goleiam

A vice-liderança terminou nas mãos do Manchester United. A equipe precisava contar com tropeço do rival londrinho para conquistar seu quarto título consecutivo. Os comandados de Alex Ferguson fizeram sua parte, mas terminam a temporada na segunda colocação. No Old Trafford, os Red Devils golearam o Stoke City por 4 a 0, com gols de Fletcher, Giggs, Park e Higginbotham (contra).

Terceiro colocado, o Arsenal também encerrou sua participação no Campeonato Inglês com goleada: em seus domínios, fez 4 a 0 no Fulham, finalista da Liga Europa, com gols de Arshavin, Van Persie, Vela e Baird (contra). A equipe termina a competição com 75 pontos. A quarta colocação, última a dar vaga à Copa dos Campeões, é do Tottenham, que perdeu para o Burnley por 2 a 1.

Liverpool fracassa

Depois de ser eliminado na semifinal da Liga Europa pelo Atlético de Madri, o Liverpool jogou no lixo a chance de voltar à competição na próxima temporada. Os Reds vão disputar apenas competições inglesas. Neste domingo, o time ficou no empate sem gols com o modesto Hull City, em um melancólico final de campeonato.

Assim, estão garantidos na Liga Europa o quinto colocado Manchester City - que empatou por 1 a 1 com o West Ham - e o sexto lugar Aston Villa, que poderia ser ultrapassado pelo Liverpool, já que foi derrotado pelo Balckburn dentro de sua casa, mas contou com a ajuda dos rivais da terra dos Beatles.

Veja todos os resultados da última rodada do Campeonato Inglês neste domingo:

Arsenal 4 x 0 Fulham

Aston Villa 0 x 1 Blackburn

Bolton 2 x 1 Birmingham

Burnley 4 x 2 Tottenham

Chelsea 8 x 0 Wigan

Everton 1 x 0 Portsmouth

Hull City 0 x 0 Liverpool

Manchester United 4 x 0 Stoke City

West Ham 1 x 1 Manchester City

Wolverhampton 2 x 1 Sunderland

Créditos : Espn Brasil

6 de maio de 2010

O técnico Joachim Low divulgou nesta quinta-feira uma pré-lista de 27 jogadores da seleção alemã para a disputa da Copa do Mundo

O técnico Joachim Low divulgou nesta quinta-feira uma pré-lista de 27 jogadores da seleção alemã para a disputa da Copa do Mundo, que tem como base o Bayern de Munique, finalista da Liga dos Campeões da Europa. Além disso, a relação conta com duas novidades. A lista de jogadores convocados será diminuída para 23 atletas para a disputa da Copa do Mundo.

As grandes novidades da seleção alemã são os defensores Holger Badstuber, do Bayern de Munique, e Dennis Aogo, do Hamburgo, chamados pela primeira vez. O veterano goleiro Joerg Butt, do Bayern de Munique, também está na lista de convocados. O atacante brasileiro naturalizado alemão Cacau, do Stuttgart, voltou a ser chamado.

“Eles estão cheios de confiança”, afirmou Low, justificando a convocação de vários jogadores do Bayern. Além de estar garantido na decisão da Liga dos Campeões, a equipe está perto de faturar o título do Campeonato Alemão e está na final da Copa da Alemanha. “Estamos orgulhosos das realizações do Bayern. Eles mostraram grande desempenho”, completou.

A convocação de Low inclui vários jovens jogadores, entre eles Badstuber, o versátil atacante do Bayern Thomas Mueller, Toni Kroos, outro jogador do Bayern que está emprestado ao Bayer Leverkusen, e Marko Marin, do Werder Bremen. “Nós especificamente escolhemos os jogadores mais jovens. Eles podem ter pouca experiência, mas eles têm um monte de qualidades”, disse Low.

Surpresa

Se a convocação do Butt era esperada após a lesão do goleiro titular Rene Adler, a escolha de Aogo foi uma grande surpresa. “Ele é tecnicamente muito bom e pode ir bem”, disse Low, sobre o defensor de 23 anos.

Butt também esteve na seleção na Eurocopa de 2000 e na Copa do Mundo de 2002. Ele disputou três jogos pela Alemanha, o que é mais do que Manuel Neuer, do Schalke, e Tim Wiese, do Werder Bremen. Ambos têm dois jogos pela Alemanha e nenhuma partida completa. “Butt tem experiência, teve um excelente temporada e ele dará apoio aos jogadores mais jovens”, disse Low.

Jogadores vetados

Adler vai ficar fora da Copa por causa de uma fratura na costela e precisará ser operado. Já o meio-campista Simon Rolfes não vai ao Mundial por conta de uma lesão no joelho. Já Thomas Hitzlsperger, da Lazio, que quase não jogou nesta temporada, foi descartado. “Tenho certeza de que nunca foi tão difícil e complicado escolher um time e se preparar para um grande torneio”, disse Low.

Preparação

Com o Bayern ainda na luta por títulos e o capitão Michael Ballack estando na decisão da Copa da Inglaterra com o Chelsea, Low não terá a maioria dos seus principais jogadores no início da preparação. O Bayern enfrentará Werder Bremen na final da Copa da Alemanha em 15 de maio e a Inter de Milão na decisão Liga dos Campeões uma semana depois.

Assim, a Alemanha vai usar vários jovens jogadores no amistoso contra Malta, em 13 de maio, depois jogará contra a Hungria em 29 de maio e com a Bósnia-Herzegovina, em Frankfurt, em 3 de junho. Austrália, Sérvia e Gana serão os adversários na primeira fase do Mundial da África do Sul.

Confira a lista de convocados da seleção alemã:


Goleiros: Joerg Butt (Bayern de Munique), Manuel Neuer (Schalke), Tim Wiese (Werder Bremen)

Defensores: Dennis Aogo (Hamburgo), Holger Badstuber (Bayern de Munique), Andreas Beck (Hoffenheim), Jerome Boateng (Hamburgo),Arne Friedrich (Hertha Berlin), Marcell Jansen (Hamburgo), Philipp Lahm (Bayern de Munique), Per Mertesacker (Werder Bremen), Serdar Tasci (Stuttgart), Heiko Westermann (Schalke)

Meio-campistas: Michael Ballack (Chelsea), Sami Khedira (Stuttgart), Toni Kroos (Bayer Leverkusen), Marko Marin (Werder Bremen), Mesut Özil (Werder Bremen), Bastian Schwensteiger (Bayern de Munique), Christian Traesch (Stuttgart), Piotr Trochowski(Hamburgo)

Atacantes: Cacau (Stuttgart), Mario Gomez (Bayern de Munique), Stefan Kiessling (Bayer Leverkusen), Miroslav Klose (Bayern de Munique), Thomas Müller (Bayern de Munique), Lukas Podolski (Colônia)

Zagueiro morre em campo na Croácia e leva amarelo por simulação

O zagueiro croata Goran Tunjic, de 32 anos, morreu após sofrer um infartor durante a partida de sua equipe, o MK Mladost, pela Quinta Divisão da Croácia. O curioso, é que o arbtitro do jogo contra o Hrvatski Sokol achou que o jogador simulava uma contusão e aplicou o cartão amarelo.

Só depois de perceber a gravidade do problemas, o juiz autorizou a entrada da equipe médica, que chegou a reanimar o zagueiro. No entanto, Tunjic morreu no hospital.

A diretoria do MK Mladost afirmou que o jogador não apresentava histórico de problemas cardíacos. A torcida prestou homenagens a Tunjic, deixando velas no campo do time.

5 de maio de 2010

Olympique bate Rennes e chega ao título Francês


Após 18 anos de espera, o Olympique conquistou o Campeonato Francês, com três rodadas de antecedência. A equipe de Marselha derrotou o Rennes por 3 a 1, nesta quarta-feira, em casa, pela 36ª rodada e chegou aos 75 pontos. O vice-líder Auxerre, que perdeu de 2 a 1 para o Lyon, só poderá chegar aos 73 pontos. A briga agora será para ver quem vai se classificar para as competições europeias. Lille (67), Auxerre (67), e Lyon, brigam pela Liga dos Campeões nas últimas duas rodadas.

O Olympique começou a partida com postura de campeão. Logo aos quatro minutos, o zagueiro argentino Heinze cobrou uma falta com perfeição da entrada da área e colocou a bola no canto direito do goleiro Douchez, indefensável. Mas aos poucos, o time da casa caiu de produção, cedendo espaço para o Rennes, que passou a ter o domínio do meio de campo.

E essa sonolência do Olympique foi punida aos 38 minutos, com o gol de empate. Após um cruzamento da esquerda de ataque, Briand, dentro da área e livre de marcação, acertou um peixinho fulminante. Sem poder de reação, os donos da casa foram para o intervalo sem a vitória.

Na etapa final, com uma postura diferente, o Olympique voltou a tomar as rédeas da partida. A equipe passou a produzir algumas jogadas de ataque, mas sem ser muito efetiva. Com isso, a torcida começou a se preocupar com a falta de sorte. E o gol do desempate só apareceu aos 31 minutos. Niang, bem posicionado na área, pegou um rebote de Douchez e bateu firme, sem chance de defesa.

Escaldado, o Olympique não quis arriscar a conquista do título e matou o confronto dois minutos depois. Após jogada confusa na área, a bola sobrou para Lucho Gonzalez que, de longe, bateu com categoria no canto direito do goleiro adversário. Com o 3 a 1 no placar, a torcida começou a cantar "É campeão" no Vélodrome.

Confira os jogos da 36ª rodada:

Boulogne 0 x 1 Saint-Etienne
Lens 1 x 1 Grenoble
Lorient 2 x 2 Monaco
Lyon 2 x 1 Auxerre
Nancy 3 x 2 Le Mans
Nice 1 x 1 Bordeaux
PSG 2 x 2 Valenciennes
Sochaux 0 x 1 Montpellier
Toulouse 0 x 2 Lille
Olympique 3 x 1 Rennes

Fenerbahçe sai na frente mas toma virada e perde título

O Fenerbahçe deixou escapar nesta quarta-feira o título da Copa da Turquia. Jogando fora de casa, o time foi derrotado pelo Trabzonspor pelo placar de 3 a 1 na partida que decidiu o torneio. Alex abriu o placar para os Canários, mas Umut Bulut, Engin e Colman viraram para os donos da casa.

Apesar de ter saído na frente, o Fenerbahçe foi amplamente dominado na primeira etapa. Logo depois do intervalo, Alex mostrou muita categoria para fazer 1 a 0. O camisa 10 recebeu na entrada da área, dominou no peito e tocou de canhota, longe do alcance do goleiro.

Empurrado por sua torcida, o Trabzonspor virou. Umut Bulut deixou tudo igual em bela cabeçada. Depois, Engin fez boa jogada individual e virou o marcador. O argentino Colman bateu rasteiro para fechar o caixão dos Canários.

- Chegamos à decisão como zebras, já que o Fenerbahçe é um dos grandes e conta com um elenco muito forte. Mesmo assim, lutamos o tempo todo e a conquista da Copa da Turquia foi merecida. Estou muito feliz - vibrou o ex-flamenguista Alanzinho.


Resta agora ao Fenerbahçe lutar pelo título do Campeonato Turco. A duas rodadas do fim, o time lidera a competição, um ponto à frente do Bursaspor.

3 de maio de 2010

Van Marwijk divulga pré-lista da seleção holandesa para a Copa do Mundo

Depois de ter dado esperanças ao jogador, o técnico da seleção holandesa Bert Van Marwijk praticamente acabou as chances de o atacante Ruud Van Nistelrooy estar na Copa do Mundo da África do Sul neste ano.

Isso porque o jogador de 33 anos do Hamburgo da Alemanha não está na lista divulgada pelo treinador nesta segunda-feira. Os jogadores chamados participarão da primeira fase de treinos do time nacional entre 10 e 14 de maio.

O ex-atacante do Real Madrid havia se aposentado da seleção holandesa após a disputa da Eurocopa de 2008, mas recentemente declarou que havia repensado sua decisão e estaria disposto a vestir novamente a camisa laranja.

Van Marwijk convocou apenas jogadores que já terão encerrado suas temporadas por suas equipes. O meio-campista Van Bommel e o atacante Arjen Robben, do Bayern de Munique, além do meia Sneijder Wesley, da Inter, são presenças praticamente garantidas na Copa, mas ficam fora desse primeiro trabalho porque jogam a final da Liga dos Campeões no dia 22 de maio.

Confira a lista completa:

Goleiros: Sander Boschker (Twente), Maarten Stekelenburg (Ajax), Piet Velthuizen (Vitesse) e Michel Vorm (Utrecht)

Defensores: Khalid Boulahrouz (Stuttgart-ALE), Joris Mathijsen (Hamburgo-ALE), Andre Ooijer (PSV Eindhoven), Giovanni van Bronckhorst (Feyenoord), Gregory van der Wiel (Ajax) e Ron Vlaar (Feyenoord)

Meio-campistas: Ibrahim Afellay (PSV Eindhoven), Vurnon Anita (Ajax), Otman Bakkal (PSV Eindhoven), Edson Braafheid (Celtic-ESC), Wout Brama (Twente), Demy de Zeeuw (Ajax), Orlando Engelaar (PSV Eindhoven), John Heitinga (Everton-ING), Nigel de Jong (Manchester City-ING), Stijn Schaars (AZ Alkmaar) e David Mendes da Silva (AZ Alkmaar)

Atacantes: Ryan Babel (Liverpool-ING), Eljero Elia (Hamburgo-ALE), Dirk Kuyt (Liverpool-ING), Robin van Persie (Arsenal-ING) e Jeremain Lens (AZ Alkmaar).

2 de maio de 2010

Marcello Lippi faz pré convocação de 29 jogadores para a Copa do Mundo

O treinador da Itália, Marcello Lippi, convocou 29 jogadores neste domingo para participar de uma concentração de dois dias em Roma como parte da preparação para a Copa do Mundo de 2010. Os atletas ficarão reunidos na capital italiana nos dias 4 e 5 de maio.

Lippi não chamou jogadores de Roma e Inter de Milão, uma vez que as duas equipes se enfrentam na quarta-feira para a decisão da Copa da Itália. O atacante brasileiro naturalizado italiano Amauri, da Juventus, também ficou fora da lista de convocados.

Os atletas se reunião no centro esportivo “La Borghesiana”, local tradicional da seleção italiana de rúgbi na periferia de Roma.

A Itália está no grupo F da Copa do Mundo, junto com Paraguai, Nova Zelândia e Eslováquia. A equipe de Marcello Lippi estreia no dia 14 de junho, na Cidade do Cabo, contra os sul-americanos.

Confira a lista completa dos convocados:

Goleiros: Gianluigi Buffon (Juventus), Morgan De Sanctis (Napoli), Federico Marchetti (Cagliari) e Salvatore Sirigu (Palermo).

Defensores: Salvatore Bocchetti (Genoa), Leonardo Bonucci (Bari), Fabio Cannavaro (Juventus), Mattia Cassani (Palermo), Giorgio Chiellini (Juventus), Domenico Criscito (Genoa), Fabio Grosso (Juventus), Nicola Legrottaglie (Juventus), Christian Maggio (Napoli) e Gianluca Zambrotta (Milan).

Meio-campistas: Mauro Camoranesi (Juventus), Antonio Candreva (Juventus), Andrea Cossu (Cagliari), Gennaro Gattuso (Milan), Claudio Marchisio (Juventus), Riccardo Montolivo (Fiorentina), Angelo Palombo (Sampdoria), Simone Pepe (Udinese) e Andrea Pirlo (Milan).

Atacantes: Marco Borriello (Milan), Antonio Di Natale (Udinese), Alberto Gilardino (Fiorentina), Vincenzo Iaquinta (Juventus), Giampaolo Pazzini (Sampdoria) e Fabio Quagliarella (Napoli).