23 de dezembro de 2009

Ajax avança às quartas da Copa da Holanda com goleada de 14 a 1

O Ajax atropelou o modesto WHC, da quarta divisão nacional, nesta quarta-feira, pelas oitavas de final da Copa da Holanda: 14 a 1. Com seis gols, o atacante uruguaio Luís Suárez foi o grande destaque da goleada, disputada na pequena cidade de Zwolle e com estádio com capacidade para cerca de 500 pessoas. O jogador, no entanto, levou um cartão amarelo e está suspenso do próximo confronto.

O “curioso” é que o primeiro gol saiu somente aos 18 minutos, com Pantelic. O atacante sérvio também fez o segundo, aos 24. Aissati e Bakircioglu fizeram outros dois cada um, com De Zeeuw e Bosch, contra, completando. O autor do gol de honra do WHC foi Stel, pouco antes do intervalo.

A Liga que corresponde à quarta divisão, “Zaterdag hoofdklasse C”, reúne times amadores e é disputada somente aos sábados. Apesar do elástico placar, o resultado ainda está longe da maior goleada da história da Holanda. Na temporada 1903/1904, o Koninklijke HFC fez 25 a 0 sobre o Amsterdamse Cricket & Hockeyclub, também pela Copa da Holanda.

O Ajax enfrenta o Juventus, da Itália, na primeira fase do mata-mata da Liga Europa, em fevereiro. E com poderio ofensivo invejável: com os 14 gols marcados nesta quarta, a equipe holandesa chegou aos 88 na temporada.

22 de dezembro de 2009

Messi leva o prêmio de melhor do mundo da Fifa e encerra um ano de 2009 perfeito


A Fifa anunciou na noite desta segunda-feira, em Zurique, o que o mundo inteiro já sabia: Messi é o melhor jogador do planeta em 2009. A premiação, a primeira na história para um argentino, encerra um ano perfeito para o camisa 10 do Barcelona: foram seis títulos pelo clube, a classificação para a Copa do Mundo pela Argentina, a conquista da tradicional Bola de Ouro da "France Football" e agora o prêmio da Fifa.

Messi foi eleito com votos de técnicos e capitães de 147 seleções nacionais. Ele somou 1.073 pontos e deixou para trás com ampla vantagem Cristiano Ronaldo, do Real Madrid (352), os colegas de clube Xavi (terceiro, com 196 pontos) e Iniesta (quinto, 134), além de Kaká, que apareceu em quarto lugar. O brasileiro do Real somou 190 pontos.

- Gostaria de agradecer aos companheiros que votaram em mim. É uma grande honra receber esse prêmio, porque foi dado por companheiros de outras seleções - disse Messi ao receber o troféu.

O argentino lembrou também que o prêmio da Fifa é a cereja no bolo de um ano de 2009 perfeito.

- Quero a agradecer também aos meus colegas de clube. Esta conquista significa terminar este ano da melhor maneira possível, para mim e para o Barcelona.

Roberto Mancini é apresentado no City e promete títulos

O italiano Roberto Mancini, apresentado nesta segunda-feira como novo treinador do Manchester City, espera repetir a boa passagem pela Inter de Milão no clube inglês.

Ele chega para o lugar do galês Mark Hughes, que ficou 18 meses à frente da equipe. A dispensa foi no sábado, apesar da vitória por 4 a 3 sobre o Sunderland no Campeonato Inglês.

- Espero que a história se repita. Estou orgulhoso porque o City tem bons jogadores - comentou Mancini, tricampeão italiano pelo Inter de Milão entre 2005 e 2008.

O treinador acha que a cidade de Manchester é parecida com Milão no que diz respeito à paixão pelo futebol.

- Em ambos os lugares há duas grandes equipes que lutam pela supremacia e os títulos. É um desafio que me agrada - afirmou o italiano, referido-se a Milan e Inter e Manchester City e Manchester United.

Além de conquistar o tri italiano pelo Inter, Mancini conduziu o clube à conquista da Copa da Itália - competição que ganhou também quando dirigia Fiorentina e Lazio.

No City, Mancini terá como comandados os brasileiros Robinho e Sylvinho.

16 de dezembro de 2009

Com gol de pênalti, Chelsea derruba lanterna e volta a vencer

Principal equipe inglesa no momento, o Chelsea aproveitou o início de jogo para tentar apagar o tropeço do último final de semana contra o Everton, em Stanford Bridge. Contando com o apoio maciço da torcida, a equipe de Carlo Ancelotti buscou pressionar o rival e criou oportunidades para abrir o placar nos primeiros minutos. Contudo, os atacantes dos Blues pareciam não estar inspirados.

Mas, aos 23 minutos, Chelsea conseguiu superar a retranca armada pelo seu ex-treinador Avram Grant e estufou a rede, para festa dos torcedores londrinos. A alegria em Stanford Bridge acabou ocasionada pelo atacante Nikolas Anelka, que aproveitou oportunidade e sentenciou o primeiro gol do líder.

Melhores em campo, os londrinos foram surpreendidos logo no início da segunda etapa, quando Frédéric Piquionne mostrou oportunismo e deixou tudo igual. A partir do gol sofrido, os comandados de Ancelotti retomaram a postura ofensiva do início do duelo e passaram a ameaçar o experiente goleiro David James em diversas oportunidades.

A insistência do Chelsea deu resultado aos 34 minutos do segundo tempo. O lateral direito Ivanovic foi derrubado dentro da área: pênalti para os donos da casa. Na cobrança, o meio-campista Frank Lampard chutou forte para afastar qualquer tipo de surpresa. Resultado, vitória e liderança para o tranquilo time de Roman Abramovic.

14 de dezembro de 2009

O jogo dos erros no Campeonato Alemão

video
Pela 16ª rodada do Campeonato Alemão, o Borussia Monchengladbach ganhou do Hannover 96 por 5 a 3 no jogo em que todas as falhas foram possíveis. Gols contra e cochilos das defesas foram mais do que normais na partida.

13 de dezembro de 2009

Alexandre Pato é eleito o melhor jogador jovem da Europa em 2009

O atacante Alexandre Pato, do Milan, foi anunciado como vencedor da edição deste ano do prêmio Golden Boy, entregue pelo jornal italiano "Tuttosport" ao melhor jogador com menos de 21 anos na Europa.

Pato sucede o meia brasileiro Anderson, do Manchester United, que levou a distinção em 2008.

Revelado no Internacional, o jogador de 20 anos terminou com ampla vantagem sobre o meia montenegrino Stevan Jovetic, da Fiorentina, e o atacante Bojan Krkic, do Barcelona.

O Golden Boy é considerado o prêmio Bola de Ouro entre os jovens do futebol europeu.

Arsenal bate Liverpool de virada e volta à briga pelo título no Inglês

O Arsenal aproveitou muito bem os tropeços de Chelsea e Manchester United ao vencer de virada o clássico contra o Liverpool em pleno o Anfield Road neste domingo, por 2 a 1, em duelo da 16ª rodada do Campeonato Inglês. Mais do que isso, quebrou um tabu de seis anos sem superar o rival em seus domínios pela competição nacional.

Com o resultado, o time do brasileiro Denilson, que fez outra boa partida, chegou aos 31 pontos e segue em terceiro lugar na tabela. No entanto, o time está totalmente na briga pelo título da temporada 2009/2010, já que tem um jogo a menos que seus rivais, adiado da segunda rodada contra o Bolton, em casa. Caso vença, ficará a apenas três pontos do líder Chelsea, que soma 37.

No duelo deste domingo, o Liverpool saiu na frente com o holandês Dirk Kuyt aos 41 minutos do primeiro tempo. Mas aos cinco da segunda etapa, as coisas complicaram-se para os anfitriões com o gol contra de Johnson que empatou a partida. Aí brilhou a estrela do russo Arshavin. Aos 13, ele recebeu a bola na esquerda do ataque, cortou para dentro e bateu no canto direito do goleiro Reina, que sequer foi na bola. A virada estava decretada.

O triunfo também foi o primeiro do Arsenal contra um dos outros três grandes do país depois de seis encontros. A última vez que houve comemoração da equipe contra um deles foi há mais de um ano, em novembro de 2008, contra o Chelsea.

Banfield perde, mas conta com derrota do Newell's e leva título argentino pela primeira vez


O Banfield conquistou pela primeira vez o Campeonato Argentino. Neste domingo, o clube perdeu para o Boca Juniors por 2 a 0, dois gols de Martín Palermo, mas contou com a derrota do Newell's Old Boys em casa para o San Lorenzo pelo mesmo placar para gritar "É campeão!".

Os Talandros já haviam ficado por duas vezes com o vice-campeonato, em 1951 e 2005. A modesta equipe da zona sul da região metropolitana de Buenos Aires levou o primeiro título nacional de sua história ao terminar a classificação do Apertura com 41 pontos, dois à frente do Newell's.

As duas equipes estão classificadas à Libertadores de 2010: o Banfield pelo título, e o Newell's através da média de pontos nas duas competições do futebol argentino (Apertura e Clausura).

Além do título, o Banfield teve o artilheiro da competição: o atacante uruguaio Santiago "El Tanque" Silva, de 28 anos, que passou pelo Corinthians. Ele marcou 14 gols no torneio.

8 de dezembro de 2009

Mercado de Transferências começa agitado


Léo Gago - Avaí - Vasco
Vandinho - Sport - Avaí
Ralf - Barueri - Corinthians
Fernandinho - Barueri - São Paulo
Jóbson - Botafogo - Cruzeiro
Roberto Carlos - Fenerbahçe - Corinthians
Tcheco - Grêmio - Corinthians
Iarley - Goiás - Corinthians
Pedro Ken - Coritiba - Cruzeiro
Gustavo - Cruzeiro - Vasco
Thiago Humberto - Barueri - Internacional
Jumar - Palmeiras - Vasco
Élder Granja - Sport - Vasco

Luxemburgo é o novo técnico do Atlético-MG

Agora é oficial: Vanderlei Luxemburgo é o novo técnico do Atlético-MG. A confirmação veio nesta terça-feira, através do site oficial do clube.

Luxemburgo, que irá desembarcar em Belo Horizonte às 13h30 desta quarta-feira e será apresentado às 16h, na Cidade do Galo, vai assinar um contrato de dois anos com o Alvinegro.

Pelo Twitter, o presidente do Galo, Alexandre Kalil, Atlético-MG já havia anunciado a contratação do treinador, com a frase:

- Luxemburgo vem aí.

O ex-treinador do Santos era o predileto da diretoria alvinegra para comandar o time em 2010. Após não chegar a um acordo com o Internacional , Luxemburgo optou por aceitar a proposta do clube mineiro e tem como obejtivo levar o Galo à Libertadores de 2011.

7 de dezembro de 2009

Acabou o Campeonato Brasileiro de 2009


Certamente esse foi o campeonato mais disputado dos ultimos tempos e essa última rodada ficou marcadas por algumas surpresas e algumas lamentações.

Palmeiras ficando fora da zona de Libertadores, o que parecia certo; Coritiba caindo para a série B em pleno Couto Pereira. Aliás esse é um capitulo a parte desse vasto campeonato que irá deixar saudades a todos nós.

Acompanhe agora como ficou a classificação final desse emocionante campeonato :

1° Flamengo
2° Internacional
3° São Paulo
4° Cruzeiro
5° Palmeiras
6° Avaí
7° Atlético MG
8° Grêmio
9° Goiás
10° Corinthians
11° Barueri
12° Santos
13° Vitória
14° Atlético PR
15° Botafogo
16° Fluminense
17° Coritiba
18° Santo André
19° Nautico
20° Sport

Após cenas de vandalismo, Couto Pereira é interditado pelo STJD


O procurador-geral do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), Paulo Schmitt, compareceu pessoalmente à sede da entidade, nesta segunda-feira, no Rio de Janeiro, e entrou com uma ação cautelar pedindo a interdição do Estádio Couto Pereira, do Coritiba, após as cenas de vandalismo envolvendo torcedores da equipe paranaense depois do empate por 1 a 1 com o Fluminense, no último domingo. O pedido foi aceito pela presidência dó órgão, e o estádio está interditado até que se esgotem todas as instâncias da Justiça Desportiva.

Como toda a confusão envolvendo torcedores e policiais foi relatada na súmula do árbitro Leandro Pedro Vuaden, o Coritiba ainda deve ser penalizado com a perda de vários mandos de campo.
"A procuradoria entende que houve uma séria falha no plano de segurança do jogo. Era um jogo de risco. O Botafogo precisava do resultado, o Fluminense vinha numa crescente e o Coritiba comemora seu centenário. Havia previsibilidade de um eventual insucesso que potencializaria a violência, conforme o resultado negativo que viesse a trazer como trouxe o rebaixamento", disse Schmitt ao site Justiça Desportiva. "O clube se preocupou com a lotação do estádio, baixando ingressos e esqueceu de reforçar a segurança para um jogo tão importante, para o clube, para os torcedores e toda a sociedade”, continuou o procurador.

O clube paranaense deverá ser denunciado em três artigos do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD): 211 (deixar de manter o local que tenha indicado para realização do evento com infraestrutura necessária a assegurar plena garantia e segurança para sua realização), que prevê multa de R$ 1 mil a R$ 10 mil e interdição do local; 213 (deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir desordens em sua praça de desporto), cuja pena inclui multa de R$ 10 mil a R$ 200 mil e perda de um a dez mandos de campo; e 233 (deixar de cumprir obrigação legal por fato ligado ao desporto) que pode render outra multa entre R$ 1 mil e R$ 10 mil.

A tendência é de que a punição com a perda dos mandos de campo já comece a ser cumprida no Campeonato Paranaense.

Kaká, Cristiano Ronaldo, Messi, Xavi e Iniesta decidem prêmio da Fifa

Cristiano Ronaldo, Kaká, Lionel Messi, Andrés Iniesta e Xavi são os cinco finalistas do prêmio da Fifa para o melhor jogador do mundo no ano. Vencedor da Bola de Ouro, dada pela revista "France Football", o argentino aparece como favorito para levar o troféu no dia 21 deste mês em Zurique.

A disputa acirra a rivalidade entre Barcelona, que tem três jogadores indicados (Messi, Iniesta e Xavi), e o Real Madrid, de Kaká e Cristiano Ronaldo. Entre as mulheres, duas brasileiras na briga: Marta e Cristiane, que disputam com a inglesa Kelly Smith e as alemãs Inka Grings e Birgit Prinz.

A lista inicial da Fifa contava com 23 nomes e mais dois brasileiros: o meia Diego, do Juventus, e o atacante Luis Fabiano, do Sevilla. O último vencedor foi Cristiano Ronaldo. Em 2007, Kaká levou o cobiçado troféu para casa.

5 de dezembro de 2009

Juvetus ganha da líder Inter em jogo com briga e expulsão

Após cinco vitórias seguidas do Milan, a Internazionale entrou pressionada para enfrentar a Juventus no Estádio Olímpico de Turim. Os mandantes começaram controlando a partida, valorizando a posse de bola, enquanto a Inter atuava mais nos contra-ataques, utilizando-se da rapidez de seus atacantes.

Aos 20 minutos, em bela cobrança de falta do brasileiro Diego, a bola desviou em Del Piero à queima-roupa, matando o goleiro Júlio César e colocando a Juve em vantagem. O técnico José Mourinho reclamou impedimento, aplaudindo ironicamente o árbitro Saccani, e foi expulso.

Apenas cinco minutos após a inauguração do placar, o camaronês Samuel Eto'o escapou da zaga rival para, de cabeça, aproveitar o preciso cruzamento de Stankovic e marcar o gol de empate, calando a torcida da "Velha Senhora". O equilíbrio entre as duas equipes era visível e não surgiram tentativas muito perigosas pelo restante do primeiro tempo. A tensão também era evidente: na saída para o intervalo, Samuel e Chiellini discutiram, mostrando o clima nada amistoso da partida.

Na volta para a etapa complementar, a Inter passou a pressionar os donos da casa no campo de ataque, deixando o jogo mais aberto para contragolpes. Aos 13 minutos, no rebote de Júlio César, o meia esquerda Marchisio driblou Samuel dentro da pequena área e bateu na saída do goleiro para colocar a Juventus novamente à frente no placar.

A Inter tentou jogar-se mais à frente, trocando Muntari por Balotelli. A Juve, por outro lado, substituiu Del Piero por Camoranesi e apenas administrou o resultado até o apito final. O brasileiro Felipe Melo ainda teve tempo de acertar cotovelada em Balotelli e ser expulso de campo, a apenas cinco minutos do fim.

O resultado deixa a Juve com 30 pontos, em terceiro lugar, um a menos que o Milan (31) e cinco de desvantagem em relação à própria Inter (35).

Manchester City vence líder Chelsea e rival United agradece

Sem se importarem nem um pouco com os adeptos presentes no City of Manchester, os Blues partiram com tudo para cima dos anfitriões, e abriram o placar logo com sete minutos de jogo. Após escanteio, Ballack dominou a bola na direita, driblou o marcador e cruzou na área, Ivanovic bateu à queima roupa para grandiosa defesa de Given, Lampard tentou de novo, e mais uma vez o goleiro irlandês fez milagre. Mas a bola espalmada bateu nas costas de Adebayor e finalmente entrou.

Após a pressão inicial e o gol, o Chelsea perdeu as rédeas do jogo, e passou a se defender mais dos avanços dos Citizens, que assustaram em uma chance de Adebayor e um chute de longe de Touré. Porém, a defesa armada por Carlo Ancelotti afastava o perigo sem grandes dificuldades, e ainda aterrorizava os donos da casa nos contra-ataques, principalmente com Drogba.

Mas se Adebayor fez um gol contra no início do jogo, tratou de se redimir para deixar tudo igual aos 36 minutos da primeira etapa, e também após jogada de escanteio. Depois de um tiro de canto, Wright Phillips pegou o rebote na direita e jogou na área, a bola desviou nos braços de Micah Richards antes de sobrar nos pés do atacante togolês, que tocou para o fundo da rede para a euforia de sua torcida.

Aos 44 da primeira etapa, quase que Drogba fez 2 a 1 para os Blues, arriscando uma falta perigosa, e fazendo a bola passar a centímetros do ângulo esquerdo de Shay Given.

No início da segunda etapa, quase que o protagonista da partida Emmanuel Adebayor balançou a rede pela segunda vez a favor, mas bateu para fora a ótima chance criada por Micah Richards. Mas se o togolês não acertou o pé, um conhecido argentino tratou de surpreender e virar o jogo. Em cobrança de falta aos 10 do segundo tempo, Carlitos Tevez bateu rasteiro, no contrapé de Peter Cech, para fazer 2 a 1 para os anfitriões.

E o Chelsea poderia fazer a série de sete empates consecutivos do Manchester City ter mais um capítulo, e teve tudo para fazer 2 a 2 após Drogba invadir a área pela esquerda e ser derrubado por Onuoha. O meia Frank Lampard cobrou a penalidade máxima, mas parou nas mãos de Shay Given, que se esticou todo para defender.

Aos 40 minutos, novamente a aflição passou pela torcida do Manchester City, quando Didier Drogba recebeu na direita e foi avançando sem dar chances para uma interceptação da defesa, mas finalizou pouco ao lado do gol de Given, sem alterar o placar e fazendo finalmente os torcedores dos Citizens comemorarem a vitória.

Com primeiro tempo arrasador, Milan supera Sampdoria e se aproxima da líder Inter

Após ser derrotada por 3 a 0 pelo seu arquirrival Genoa, a Sampdoria começou mal o jogo contra o Milan, no San Siro. Logo no primeiro minuto de partida, Ronaldinho Gaúcho fez um cruzamento preciso para Borriello, de cabeça, abrir o placar. Após quatro vitórias consecutivas, o time adotou uma postura ofensiva desde o início, sufocando o adversário no campo de defesa.

Aparecendo muito para o jogo, Ronaldinho deu mais uma assistência para Seedorf, de perna esquerda, ampliar para o time de Milão, aos 21. Visivelmente abalada, a Sampdoria não conseguia conter os rápidos contra-ataques do adversário. Apenas dois minutos depois, o brasileiro Alexandre Pato aproveitou rebote de seu próprio chute para praticamente definir o jogo para a sua equipe ainda na primeira etapa.

Com o resultado feito, o Milan cadenciou seu próprio ritmo, tocando a bola com mais calma. O time ainda teve mais algumas chances com Seedorf e Pirlo, mas o maior destaque do restante do primeiro tempo foi a contusão de Ronaldinho, aos 34, que saiu para dar lugar a Abate.

Na etapa complementar, o Milan passou a valorizar ainda mais a posse de bola, ameaçando eventualmente o gol de Castellazi, em chutes de Pato e perigosos cruzamentos de Pirlo.

Rendida, a Sampdoria corria e tentava, no desespero, diminuir o prejuízo. Nem mesmo o ídolo italiano Cassano, isolado no ataque, conseguiu resolver a situação e a equipe passou mais um final de semana sem balançar a rede adversária.

Brasil cai no G, um dos preferidos da CBF, mas tem rivais indigestos na primeira fase


A seleção brasileira pode comemorar a logística, mas não tem nada o que celebrar em relação aos rivais contra quem vai jogar na primeira fase do grupo G da Copa do Mundo de 2010, na África do Sul. A definição dos grupos para o Mundial foi realizada pela Fifa nesta sexta-feira na Cidade do Cabo.

O Brasil tem uma estreia relativamente tranquila na Copa, contra a Coreia do Norte, dia 15, no Ellis Park, em Johanesburgo. Depois, não terá mais moleza. No dia 20, de novo na capital do país, mas no Soccer City, jogará contra a Costa do Marfim, do atacante Drogba, do Chelsea. Para encerrar a participação no dia 25, em Durban, duelo contra Portugal, de Cristiano Ronaldo.

Como G1, ou seja, o time considerado número um do grupo G, o Brasil irá atuar na principal sede da Copa, Johanesburgo, nos dois primeiros jogos. Essa definição agrada a CBF, que queria adotar uma sede fixa para a seleção. Com o sorteio, o Brasil poderá ficar perto da maior cidade do país, deslocando-se somente para a terceira partida.

Se conseguir a classificação como primeiro do grupo, o Brasil joga dia 28 de junho em Johanesburgo também a partida de oitavas de final. Nas quartas, atuaria em Port Elizabeth e, nas semifinais, na Cidade do Cabo. Se terminar em segundo lugar do grupo, o Brasil disputará as oitavas de final na Cidade do Cabo, dia 29 de junho.

Os dois primeiros do grupo G irão "cruzar" com as duas melhores equipes do grupo H nas oitavas. É nesta chave que está a temida Espanha, número um do ranking da Fifa. Os outros integrantes do grupo H são Chile, Suíça e Honduras.

Veja como ficaram os grupos da Copa:

Grupo A
África do Sul
México
Uruguai
França

Grupo B
Argentina
Nigéria
Coreia do Sul
Grécia

Grupo C
Inglaterra
Estados Unidos
Argélia
Eslovênia

Grupo D
Alemanha
Austrália
Sérvia
Gana

Grupo E
Holanda
Dinamarca
Japão
Camarões

Grupo F
Itália
Paraguai
Nova Zelândia
Eslováquia

Grupo G
Brasil
Coreia do Norte
Costa do Marfim
Portugal

Grupo H
Espanha
Honduras
Chile
Suíça